Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

MAR DE MAIO

Livros, viagens e tudo o que nos acrescenta

MAR DE MAIO

Cabines de leitura: Deixar um livro, levar um livro

20.08.19
Foi uma boa surpresa ver na praia da areia branca, na Lourinhã, uma antiga cabine telefónica transformada numa mini-biblioteca. A ideia é simples, partilhar a literatura de uma forma acessível a todos. A regra é a de deixar um livro para levar um livro. Troca por troca. Ao pesquisar percebi que existem mais algumas espalhadas pelo país mas não consegui encontrar nenhum mapa com todas as cabines. Além disso, também há nesta praia (e noutras provavelmente) mini-bibliotecas de praia. Ou (...)

Também fui à feira do livro

27.06.19
Ainda vou a tempo de falar sobre a feira do livro? Não me lembro da última vez que lá fui, mas sei que não foi no ano passado, nem no anterior. E não sabia as saudades que tinha. Só fui uma vez, espreitei os alfarrabistas (que tinham muita coisa interessante mas nada do que me interessava) e perdi-me nos caixotes de livros esgotados da Relógio d'água. Trouxe um livro da Daphne do Maurier chamado "O outro eu" a 5 euros. Fiquei com pena de não ter trazido mais uns quantos desses (...)

Ser turista no Porto por um dia

07.08.18
Nunca tinha ido ao Porto. Imperdoável, eu sei. Entretanto, juntaram-se uma série de fatores. Havia uma exposição que não queria perder e que acabou por ser a desculpa ideal para deixar de adiar a viagem. Queria ir à Lello e passear um bocadinho para desanuviar do fim de (mais) uma época de exames e entrar em modo de férias. Fui e vim no mesmo dia aproveitando uma promoção da cp (ida e volta ficou a 30 euros). Três horas de viagem parece muito tempo mas com uma boa conversa (...)

Lobos ao Crepúsculo

13.09.17
Nem sempre é fácil ver os lobos no CRLI (Centro de Recuperação do Lobo Ibérico) que fica ali para os lados da Tapada de Mafra. Este centro é um santuário que recebe animais de outros locais que ficam sem espaço para eles e de pessoas que acharam boa ideia ter uma cria de lobo em casa e mudaram de opinião quando a cria se transformou num lobo adulto. Mas dizia eu que nem sempre é fácil vê-los. São noturnos e, como vivem neste centro para o resto da vida (não podem ser (...)

A feira da bagageira na Ericeira

16.08.17
No fim-de-semana passado a Ericeira encheu-se de carros atolados de artigos em segunda mão para a feira da bagageira. Esta feira tem passado por vários locais da região de Lisboa e qualquer pessoa se pode inscrever para vender artigos que tenha em casa, como velharias, livros, mobília, roupa, brinquedos, enfim, de tudo um pouco. Os vendedores transportam os artigos na bagageira do carro (daí o nome da feira) e vendem-nos a preços simpáticos. Esta frase na