Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Livros, viagens e tudo o que nos acrescenta

Newsletter

Isto vai doer de Adam Kay

isto-vai-doer-mar-maio.png

Descobri este livro por causa de um post da Rita da nova e fiquei curiosa. «Isto vai doer» é o diário de Adam Kay durante todo o seu percurso de médico no sistema público de saúde do Reino Unido, desde o internato até ter abandonado a Medicina.

É um livro de histórias de pacientes, muitas verdadeiramente engraçadas, outras comoventes e algumas tristes:

A enfermeira-parteira diz à mãe que pare de fazer força e comece a praticar as técnicas de respiração, para que ela possa conduzir lentamente a cabeça do bebé e, com sorte, evitar uma laceração. À medida que a cabeça vai saindo, o pai grita: "Oh meu Deus - onde está a cara dele?" Como seria de esperar, a mãe também grita. A cabeça do bebé saí de forma descontrolada e o períneo dela explode. Explico-lhes que os bebés nascem geralmente com a cara para baixo.

Este é um bom exemplo do género de histórias divertidas deste livro. Adam Kay acaba por seguir a especialidade de obstetrícia pelo que a maioria das histórias se referem a partos e grávidas. Acho mesmo que toda a gente que já esteve no lugar de paciente (ou seja, todos nós), devia ler este livro.

(...) a enfermeira-parteira pergunta à mãe se ela quer que o bebé receba uma injeção de vitamina K. (...) Ela recusa a vitamina K porque "as vacinas provocam artrite". A parteira explica-lhe pacientemente que a vitamina K não é uma vacina, é uma vitamina, e que é muito importante para a coagulação do sangue do bebé. Além disso, diz-lhe que não provoca artrite. Talvez ela quisesse dizer autismo, que também não é causado por vacinas. E esta injeção não é uma vacina.

"Não", diz a mãe, "Não vou por em risco a saúde do meu bebé".

Adam Kay tem mais dois livros publicados além deste, que só estão disponíveis em inglês.

6 comentários

Comentar post